Darkside | Livros

O Demonologista

18 de Março de 2016

Ola Jujubas e Amendoins!

Hoje vou falar do livro O Demonologista, tive que repetir o nome em voz alta algumas vezes até me acostumar com tantos “os” em uma palavra hehehe.

Mas o livro é explicito sobre o assunto: Demônios. Quando o vi pela primeira vez eu pensei em algo oculto, proibido e misterioso e confesso que virei o nariz para ele, quando meu marido o escolheu na livraria.

“Ele não faz o meu tipo de livro!” – falei em protesto. Mas meu marido disse que eu precisava sair da minha zona de conforto e me arriscar em leituras mais ousadas.

Como é comum, sempre lemos um livro juntos, ainda que tenhamos outras leituras individuais em paralelo, sempre temos a nossa leitura, o que é fantástico e super recomendo a casais, é um habito delicioso.

Voltando ao livro, se você assim como eu ficou temeroso em começar a ler esse livro, leia o prefacio dele, é só uma pagina e tenho certeza que depois de lê-lo você vai querer devorar o restante do livro, isso aconteceu comigo!

Sobre o livro em si tem um trabalho gráfico incrível, como todos os livros da Darkside. A capa lembra um livro antigo, surrado, você quase consegue sentir a textura do tecido telado, tamanha a qualidade da imagem. A lombada do livro parece ter caído por uso contínuo e as pontas da capa parecem gastas, tudo isso dá uma veracidade ao livro sem tamanho.
A história é narrada dentro do mundo real para o mito, uma mistura perigosa, que faz o leitor imergir devagar mas intensamente.

picsart_03-17-04.04.45.jpg


sinopse

O personagem que dá título ao best-seller internacional é David Ullman, renomado professor da Universidade de Columbia, especializado na figura literária do Diabo – principalmente na obra-prima de John Milton, Paraíso Perdido. Para David, o Anjo Caído é apenas um ser mitológico.
Ao aceitar um convite para testemunhar um suposto fenômeno sobrenatural em Veneza, David começa a ter motivos pessoais para mudar de opinião. O que seria apenas um boa desculpa para tirar férias na Itália com sua filha de 12 anos se transforma em uma jornada assustadora aos recantos mais sombrios da alma.
Enquanto corre contra o tempo, David precisa decifrar pistas escondidas no clássico Paraíso Perdido, e usar tudo o que aprendeu para enfrentar O Inominável e salvar sua filha do Inferno.
Este é um daqueles livros que você não consegue largar até acabar a última página, ainda que vá precisar de muita coragem para seguir em frente.


picsart_03-17-10.36.47.jpg

Considerações

Se você leu a sinopse vai me entender por que do mesmo jeito que eu repelia o livro eu o queria. A historia fala de um tema tabu e mexe com minhas crenças e com muita coisa que aprendi ainda quando criança, mas tudo isso só o fez ser um livro ainda mais tentador.

David é um professor realista, ao ponto de você o chamar de hipócrita, já que ele ensina sobre religião mesmo sendo ateu. “Um Ateu estudioso da Bíblia” palavras dele próprio. Mas talvez por isso, o relato dele soe tão mais verdadeiro, já que ele nós faz acreditar que tudo é mito, até que não é mais.

Tess a filha de doze anos de David é a tipica pré adolescente que possui um diário para desabafar e que está sempre introspectiva como o pai.

A historia é narrada a partir da perspectiva de David o que ele faz muito  bem, te prende e te deixa naquela ânsia ao virar cada pagina, ao compreender cada final de paragrafo até o fim.

David parece apenas um professor a beira de um divorcio premeditado, depois de sua mulher o trair desacatadamente com um outro professor do mesmo Campus que ele, preocupado com a filha Tess que assim como ele carrega uma estranha impressão de solidão e abatido pela recente descoberta de um câncer em sua unica e melhor amiga O’Brien.

Então quando você tem que lidar com a traição da sua esposa, um divorcio, a possível morte prematura de sua melhor amiga e a quase confirmação da depressão de sua unica filha, você aceita a oferta de trabalho de uma desconhecida Mulher Magra que aparece em sua sala.

Você aceita ela ser vaga sobre o trabalho em si e aceita ter que viajar à Veneza com sua filha, com tudo pago, por alguém que não quis se identificar.

Num momento como este, quando tanta coisa está para mudar na sua vida, viajar a trabalho parece ser tudo o que precisava para dar um tempo nos problemas. David embarca com Tess e tudo parece incrível, até sua querida filha, sua menina linda, se jogar do alto do Hotel e afundar nas águas turquesa de Veneza e nunca ser achada.

Ao contrario do que estão dizendo, se tratar de suicídio, David sente que é outra coisa, algo que ele racionalmente deveria negar, mas ele só precisa dizer em voz alta, ele só precisa pronunciar as palavras e elas só precisam ser ditas por ele e serão verdade.

“Mas talvez a Mulher Magra estivesse mais correta em nomear minha verdadeira vocação. Demonologista. Chegar até Tess vai exigir que eu use todo o meu conhecimento de uma maneira prática que nunca imaginei antes. Começando por levar a mitologia do mal a sério.”

A historia tem uma narração as vezes tão intensa que você vê claramente as cenas e é necessário fazer uma pausa e respirar para não pirar junto, se manter fiel a sua própria teoria até o final do livro, eu criei varias hehehe

picsart_03-17-10.39.05.jpg

Espero que gostem, esse livro me deu vontade de criar “Notas para Leitura” só para dar 5 estrelas ^-^

Nota 5/5

Deixem um comentario

bjs de luz!

Deixe uma resposta